CONSUN aprova Programa de Bolsas para o Mestrado Profissional em Letras

Durante a 24ª reunião ordinária do Conselho Universitário (CONSUN) da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UEMASUL), realizada na última sexta-feira (27), foi aprovada acape criação do Programa de Bolsas para o Mestrado Profissional em Letras. Em consonância com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) 2017-2021, as bolsas têm como objetivo estimular a pesquisa científica, tecnológica e de inovação e incentivar a permanência acadêmica dos estudantes. O CONSUN é o órgão máximo de consulta e deliberação sobre política interna, gestão, orçamento, entre outras competências.

O documento aprovado pelos conselheiros e conselheiras do CONSUN garante 10 bolsas para o programa stricto sensu. O valor de cada bolsa é de R$ 1.500,00, mesmo valor da bolsa de Mestrado concedida pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), com duração de 12 meses e prorrogáveis por até mais 12 meses. A prorrogação da bolsa fica condicionada ao desempenho acadêmico do bolsista e caberá à Coordenação do Programa de Pós-Graduação, juntamente com o Colegiado e a Comissão de Bolsas do Programa de Pós-Graduação, a responsabilidade pela seleção e indicação dos discentes que receberão bolsa, pelo acompanhamento, pedido de prorrogação, suspensão, cancelamento e substituição.

A concessão das bolsas é uma forma de oportunizar e garantir a permanência dos que mais precisam, como explica o coordenador do Mestrado em Letras, Gilberto Freire de Santana. “A questão da bolsa, tanto para a instituição quanto para os bolsistas, é que podemos garantir que os beneficiados possam continuar os estudos com qualidade e dedicação, em busca de conhecimento e qualificação profissional. Principalmente, considerando as dificuldades econômicas e sociais que muitos passam”, pondera.

Para concorrer à bolsa, o pós-graduando precisa estar regularmente matriculado no mestrado, ter disponibilidade para dedicar-se integralmente às atividades do referido curso, não receber nenhum tipo de remuneração de qualquer natureza, não possuir vínculo empregatício ou, em havendo, estar oficialmente afastado das atividades profissionais, sem percepção de vencimentos, incluindo-se pro labore, e não acumular bolsas de outros programas ou de agência de fomento pública nacional, ou internacional.

Ampliação de bolsas

A UEMASUL tem proporcionado, por meio de estímulos de caráter técnico, estrutural e financeiro, políticas públicas de incentivo à permanência dos acadêmicos na universidade e programas de consolidação da cultura de pesquisa e produção científica, inovação e extensão.

Ao longo dos últimos cinco anos, de 2017 até julho de 2021, foram investidos mais de R$ 3 milhões nos programas institucionais de bolsas para os estudantes. Ano após ano, o quantitativo de bolsas ofertadas aumentou de forma significativa, mesmo com a situação de crise econômica e de saúde pública, decorrente da Covid-19, pela qual o Brasil atravessa.

Para a Pró-Reitora de Pós-Graduação e Inovação (PROPGI), Maria da Guia Taveiro Silva, esses investimentos em pesquisa, inovação e extensão tem sido fundamentais para o avanço da instituição. “Há cinco anos, a universidade investe nos acadêmicos e acadêmicas e isto é, sem dúvida, fundamental para o avanço da UEMASUL enquanto uma instituição pública de ensino. Seguimos crescendo na pesquisa, na extensão e na inovação, o que mostra que a universidade está cumprindo com o seu papel de produzir e difundir conhecimentos, no sentido de promover o desenvolvimento na Região Tocantina do Estado”, destaca.

Na 22ª Reunião do CONSUN, realizada no dia 19 de agosto, foi aprovada e homologada a Resolução nº 140/2021, que aumentou de 70 para 80 as cotas de bolsas da UEMASUL do Programa Institucional de Iniciação Cientifica (PIBIC). Ainda em agosto, houve um aumento de 10 cotas de bolsas para pesquisas de iniciação científica, provenientes da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), ampliando para 80.

Compartilhe esta notícia:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Área de concentração e Linhas de pesquisa

O Programa de Pós-Graduação em Letras PPGLe – Mestrado em Letras, modalidade profissional, com área de concentração em Linguagem e Literatura, tem duas linhas de pesquisa: 1. Linguagem, Memória e Ensino, e 2. Literatura, Diálogos e Saberes.

Logo Mestrado

FALE CONOSCO

R. Godofredo Viana, 1300
Bloco 01 – Pavilhão 01
Bairro Centro
CEP: 65901- 480
Imperatriz-MA

mestradoletras@uemasul.edu.br
Tel.: (99) 98181 7866

Pular para o conteúdo