Projetos de Pesquisa

2022 – Atual
ESTRATÉGIAS DIDÁTICAS PARA O ENSINO DE LITERATURA NO ENSINO MÉDIO: a hora da crônica
Coordenação: Ana Cristina Teixeira de Brito Carvalho.
Membros: Leonardo Mendes Bezerra, Laíra de Cássia Maldaner, Antônia Aparecida Pereira Borges, Sandryellen Pimentel Saraiva.

Descrição: Sob essa perspectiva, o presente projeto objetiva a investigação, criação e produção de 12 (doze) estratégias de letramento literário para o gênero crônica, que propiciem aos jovens dos primeiros, segundos e terceiros anos do Ensino Médio condições de reelaboração dos sentidos do texto por meio de contribuições oriundas do reconhecimento dos elementos estéticos da narrativa e também de seu próprio conhecimento de mundo aliadas às novas tecnologias digitais.

2022 – Atual
Pelos caminho do saber: achadouros históricos da educação em Balsas
Coordenação:  Ana Cristina Teixeira de Brito Carvalho
Membros: Ana Patrícia Martins, Leonardo Mendes Bezerra, Laíra de Cássia Maldaner, Vanessa Nunes da Silva, Maria Eduarda da Conceição Oliveira, Helloysa de Cerqueira Pereira, Deyse Maria da Silva.

Descrição: A história da educação local/regional guarda particularidades nos seus percursos, assim o projeto de pesquisa tem o objetivo de analisar os aspectos históricos da educação maranhense com foco em Balsas.

2021 – Atual
ESTRATÉGIAS DIDÁTICAS PARA O ENSINO DE LITERATURA NO ENSINO MÉDIO: a hora da crônica
Coordenação: Ana Cristina Teixeira de Brito Carvalho
Membros: Leonardo Mendes Bezerra, Laíra de Cássia Maldaner, Antônia Aparecida Pereira Borges, Viviane Maria Araújo França Gonçalves.

Descrição: O projeto tem o objetivo de realizar um aprofundamento nos estudos que envolvem o ensino de literatura por meio de autores, teóricos e documentos oficias, como a LDB e a BNCC, além de produzir estratégias de ensino de literatura por meio do gênero crônica.

2020 – Atual
SINAIS CINEMATOGRÁFICOS, TRILHAS PEDAGÓGICAS
Coordenação: Gilberto Freire de Santana.
Membros: Ana Cristina Teixeira de Brito Carvalho, Célia Maria Dias de Castro, Kátia Carvalho da Silva Rocha, Maria da Guia Taveiro Silva, Lilian Castelo Branco de Lima, Sonia Maria Nogueira, Marcia Suany Dias Cavalcante, Edna Sousa Cruz.

Descrição: Descrição: O estudo da dimensão pedagógica do cinema, torna-se um ato de aquisição de conhecimentos e de reflexão crítica sobre uma faceta preponderante da nossa história cultural recente, ou seja, destes últimos cem anos em que a humanidade tem deixado as suas marcas narrativas e multiculturais em imagens e sons interligados de várias formas. De tal maneira que os conhecimentos transmitidos pelos veículos de comunicação audiovisual, em especial através do cinema, constituem aquilo que alguns autores têm chamado de um autêntico currículo paralelo, cujas implicações pedagógicas se faz necessário conhecer, reconhecer, estudar e investigar no próprio âmbito escolar, uma vez que interferem no processo normal de ensino e aprendizagem, quer no que diz respeito aos efeitos cognitivos mais específicos, quer no tocante à esfera mais global dos valores, das atitudes e dos padrões de comportamento e ideologias. 

2023 – Atual
MÃOS QUE SINALIZAM NEGRAS LITERATURAS: UMA PROPOSTA DE GLOSSÁRIO EM LIBRAS.
Coordenador: Claudia Lucia Alves
Membros: Erik Henrique Silva Furtado de Miranda.

 

2023 – Atual
LITERATURA EM SINAIS: A POESIA EM EVIDÊNCIA
Coordenador: Claudia Lucia Alves
Membros: Israela Débora Sousa Silva.

 

2023 – Atual
LITERATURA EM SINAIS: A PROSA EM EVIDÊNCIA
Coordenador: Claudia Lucia Alves
Membros: Ellen Vitória Sousa e Silva.

2023 – Atual
A Escritura Negra de Autoria Feminina: vozes afro-brasileira e nigeriana
Coordenação: Edna Sousa Cruz.
Membros: Fernanda Silva Bastos, Ana Paula Fontes e Silva, Eliésio Costa Lima, Giovanna Almeida Silva.

Descrição: Este projeto de pesquisa está em conformidade com a Lei de política afirmativas 10.639/2003. Este marco legal determina que a inserção da história, cultura e literaturas afro-brasieira e africanas seja requisito obrigatório no contexto formal de educação brasileiro, em todos os níveis de ensino. Pelas diretrizes da Lei 10.639/2003 a luta da população negra no Brasil para ter seus direitos assegurados e o reconhecimento da sua contribuição na formação da sociedade nacional deve ser pauta de discussão nas mais diversas disciplinas.Norteados pelo que estabelece a mencionada Lei, partimos da ideia que o trabalho com as literaturas afro-brasileira e a africana, deve ser compreendido como projeto de presença cotidiana de um processo formativo a ser desenvolvido no espaço educacional. O projeto intenta analisar como ocorre na escritura das autoras Maria Firmina dos Reis – Ùrsula, Carolina Maria de Jesus- Quarto de Despejo diário de uma favelada e Chimamanda Ngozi Adichie- Americanah e Meio Sol Amarelo, a desconstrução de representações que, comumente, são associadas às mulheres negras.

2021 – Atual
Léxico, relações de gênero e Ecologia: saberes da floresta, das águas e do campo
Coordenação: Gabriela Guimarães Jeronimo.
Membros: Mariana Ribeiro Morais, Nicole Lorrane Lago Araújo, Ana Raquel de Sousa Rocha, Carla Carneiro de Sousa, Uran Costa Nascimento.

Descrição: Este projeto engendra-se das discussões realizadas através do Grupo de Estudos e Pesquisas Transdisciplinares em Literatura, Linguística e Humanidades (LLEHUT). Tem como principal objetivo realizar um estudo léxico-cultural a partir dos conhecimentos produzidos por mulheres, especialmente, aqueles relacionados à terra, ou seja, os saberes produzidos por meio da relação do ser humano com a natureza. O foco principal está em criar condições de escuta para vozes constantemente silenciadas em nossa sociedade possam ecoar não apenas nos trabalhos científicos, mas para além dos muros da universidade.

2023 – Atual

Projeto IC/UEMASUL – HISTÓRIA E JOGOS ELETRÔNICOS: diálogos entrecruzados
Coordenação: Gilberto Freire de Santana
Membros: Dayane Pereira Barroso de Carvalho, Eduardo Oliveira Melo, Rodrigo José Rodrigues Maciel.

Descrição: A proposta desse estudo é investigar o discurso e as caracterizações do brasileiro e da brasilidade presentes em produtos audiovisuais estrangeiros, problematizando as visões estereotipadas da cultura brasileira. Portanto, é de suma necessidade voltar-se para o estudo para produções artísticas que tratam de processos representacionais do povo brasileiro, analisando e identificando o conjunto de características presentes no imaginário social do estrangeiro e as ideias associadas à sociedade e à cultura brasileira. Dessa forma, a pesquisa versará acerca da representação da identidade brasileira dentro de franquias de jogos eletrônicos como ‘Street Fighter’, ‘Tekken’, ‘Darkstalkers’, entre outros, buscando analisar os clichês representacionais acerca do Brasil.

2023 – Atual
Projeto IC/CNPq – MALDITA CURA: normalização da performatividade abjeta na HQ de Mário César
Coordenação: Gilberto Freire de Santana
Membros: Kezia da Silva Calixto, Eduardo Oliveira Melo, Ariane Ferreira de Lima.
  
Descrição: A Teoria Queer se configura como importante prisma para a leitura do mundo e, consequentemente, para a leitura da palavra. Por isso, este projeto objetiva realizar uma leitura/análise queer do quadrinho ‘Bendita Cura’, de Mário César (2018; 2019; 2021). A obra é protagonizada por Acácio, um menino/homem gay, que performa feminilidade, por isso, é submetido a dolorosos processos que visam torná-lo ‘normal’.
  
2023 – Atual

Projeto IC/FAPEMA – INSURGÊNCIA INCENDIÁRIA DE ‘MATO SECO EM CHAMAS’. Representações e reimaginações da realidade brasileira
Coordenação: Gilberto Freire de Santana
Membros: Mariana Soares dos Santos, Kezia da Silva Calixto, Allan Kayan Dias Carneiro.

Descrição: Como expressão, o filme se faz na orquestração de imagens, sons (palavra, música, ruídos) e movimentos. Nessa perspectiva, o professor não pode/deve, convenientemente, julgar uma obra fílmica como um mero ilustrador dos conteúdos e questões já discutidas e apresentadas, servindo apenas como referendo de outras fontes. Cabe a ele perceber que o cinema carrega em seu discurso imagético uma pluralidade de falas, acepções, ideologias, contradições, conceitos, preconceitos, valores, etc. Conhecimentos que possibilitam necessários exercícios reflexivos, críticos tanto para os professores como para os estudantes. Desse modo, optou-se como corpus de investigação, para este projeto, o filme ‘Mato seco em chamas’ (2022), de Adirley Queirós e Joana Pimenta, com o intuito de empreender estudos no que tange à representação da realidade brasileira recente no cinema e linguagem cinematográfica.

2023 – Atual

Projeto IC-JR/CNPq – VOZES, GRITOS, RESISTÊNCIAS, EXISTÊNCIAS NEGRAS
Coordenação: Gilberto Freire de Santana.
Membros: Karleyby Allanda Barbosa de Sousa, Isabella Aquino Sousa.

Descrição: Como expressão, o filme, as produções audiovisuais se fazem na orquestração de imagens, sons (palavra, música, ruídos) e movimentos. Nessa perspectiva, o professor não pode/deve, convenientemente, julgar uma obra fílmica, uma produção audiovisual, como um mero ilustrador dos conteúdos e questões já discutidas e apresentadas, servindo apenas como referendo de outras fontes. Cabe a ele perceber que essas produções carregam em seu discurso imagético, sonoro uma pluralidade de falas, acepções, ideologias, contradições, conceitos, preconceitos, valores, etc. Conhecimentos que possibilitam necessários exercícios reflexivos, críticos tanto para os professores como para os estudantes. Desse modo, optou-se como corpus de investigação, para este projeto, o estudo de um curta-metragem selecionado pelo(a) bolsista, com o intuito de empreender estudos no que tange à questão do negro na produção imagética/cinematográfica contemporânea.

 

2022  Atual
Projeto UNIVERSALFAPEMA  CIN(E)NSINO
Coordenação: Gilberto Freire de Santana
Membros: Rute Maria Chaves Pires, Mônica Assunção Mourão, Maria da Guia Taveiro Silva, Roberto Ferreira da Rocha, Mariana Soares dos Santos, Eliana Kiara Viana Lima, Sônia Maria Nogueira, Saulo Lopes de Sousa, Deivanira Vasconcelos Soares, Eronilde dos Santos Cunha, Kátia Carvalho da Silva Rocha, Raimundo Lima dos Santos, César Alessandro Sagrillo Figueiredo, Ana Cristina Teixeira de Brito Carvalho, Mayara Alexandre Costa, Kezia da Silva Calixto, Raniere Nunes da Silva, Emerson Gabriel Rodrigues Almeida, Dayane Pereira Barroso de Carvalho, Júlio Lopes Cruz, Pedro Wildemberg Ribeiro Pereira, Jean Charles Ribeiro Chagas, Eliesio Costa Lima, Rauan Janderson Sousa da Costa, Thiago Conceição dos Anjos, Matheus do Nascimento Silva, Rogério Fernandes dos Santos, Raffaella Andréa Fernandez, Ana Carolina Freitas de Farias, Fernanda Suelen Freitas da Silva, Eduardo Oliveira Melo, João Batista Pereira Silva, Rodrigo José Rodrigues Maciel, Francivan Almeida Silva, Raianny Oliveira da Silva, Anne Carine Lemos Cardoso Costa, Andreson Alex Moreira Lima.

Descrição: Em sua trajetória, o ensino teve como sustentação a transmissão oral e escrita do conhecimento, de tal maneira que o mundo das imagens sempre foi negligenciado. A escrita consolidouse, a partir das ideias positivistas cristalizadas no século XIX, como receptáculo legítimo e inquestionável do saber. Ao professor, coube o papel solitário e igualmente incontestável de propagador das informações, e do aluno, buscouse o espectador passivo, sem reflexão, discussão eou participação na construção desse conhecimento. Contraditoriamente a isso, o último século firmou os novos meios de comunicação, em especial o cinema, que inseriu novas formas de leitura e representação do real no cotidiano da sociedade, implicando numa mudança não apenas comportamental, mas de ações como um todo. Uma dessas ações encontrase no processo de inserção do cinema em sala de aula.

2022  Atual  
Projeto UNIVERSLFAPEMA  AS ‘REDES SOCIAIS’ NA SALA DE AULA: o estudo da semântica da língua portuguesa
Coordenação: Sônia Maria Nogueira
Membros: Gilberto Freire de Santana, Larissa de Farias Silveira, Silvânia Aparecida Alvarenga Nascimento, Elany Mirian da Silva dos Santos Aragão, Ilenilde de Sousa Cruz Carvalho.

Descrição: O objetivo geral deste projeto consiste em refletir acerca da inserção de textos publicizados nas redes sociais no Ensino Fundamental anos finais, como recurso didático de estudo da Língua Portuguesa, em abordagem semântica.

2022  Atual  
Projeto UNIVERSALFAPEMA DAS MEMÓRIAS, LEMBRANÇAS E ESQUECIMENTOS; Centro de Documentação e Memória da Região Tocantina
Coordenação: Regina Celia Costa Lima
Membros: Gilberto Freire de Santana, Rute Maria Chaves Pires, Fabrício Nascimento de Moura, Raimundo Lima dos Santos, Moab César Carvalho Costa, Ilma Maria de Oliveira Silva, Jaime Garcia Siqueira Júnior, Edimilson Rosa Bezerra, Carmem Barroso Ramos, José Siney Ferraz Rodrigues, Camila Cristina de Castro Souza, Wanessa Kewry dos Santos Nascimento, Maria Eduarda Lindoso Silva Porto, Ediana di Francco Matos da Silva Santos, José Ricardo Brito Sales, Mayza Jorge Feitosa

Descrição: O projeto DAS MEMÓRIAS, LEMBRANÇAS E ESQUECIMENTOS; Centro de Documentação e Memória da Região Tocantina tem a tarefa inicial d de organizar, catalogar e consolidar a documentação e memória regional e local. Posteriormente, pretendese tornar o Centro um ponto de partida para outros projetos de pesquisa semelhantes, de modo a fazer um diálogo entre diferentes pesquisas no Centro de Ciências Humanas Sociais e Letras da UEMASUL (CCHSL) e de outros Centros e Universidades. Isso contribuirá de maneira importante para se consolidar a interdisciplinaridade na pesquisa regional.

2022  Atual
Projeto UNIVERSALUEMASUL  
REFLEXÕES SOBRE O ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA PARA ALUNOS QUE REALIZAM REGRA LINGUÍSTICA NÃOPADRÃO
Coordenação: Maria da Guia Taveiro Silva
Membros: Gilberto Freire de Santana, Beatriz Santana do Carmo, Dayane Pereira Barroso de Carvalho, Isabel Delice Gomes Macedo, Ana Carolina Freitas de Farias, Andressa Caroline Ferreira Vieira, Francisco de Assis Moura Ferreira, Denise Alves Cardoso, Thadilley da Silva Teixeira Cruz.

Descrição: O contexto deste estudo é a educação básica, e o foco são alunos que realizam regra linguística nãopadrão. A investigação é de como ocorre o ensino de língua portuguesa para alunos de anos iniciais da educação básica pública, que realizam regra linguística nãopadrão, na sala de aula. Assim, buscase refletir sobre a questão do conflito linguístico que, possa existir, para esses alunos, no processo de ensino e aprendizagem, bem como produzir material didático (jogos de palavras; dominó) e trabalhar, junto ao professor, estratégias de ensino e fazer uso de material didático, focalizando as dificuldades enfrentadas pelos alunos para a realização de regrapadrão..

2021  Atual
EDUCAÇÃO E HUMANIDADE NO CONTEXTO EDUCACIONAL MARANHENSE

Coordenação: Gilberto Freire de Santana
Membros
: Maria da Guia Taveiro Silva, Andréa Teresa Martins Lobato, Emanoel Cesar Pires de Assis, Andre Luis Silva Dos Santos, Ana Livia Bomfim Vieira, Monica Piccolo Almeida Chaves, Ana Lucia Cunha Duarte, Sannya Fernanda Nunes Rodrigues, Mariana Aparecida De Oliveira Ribeiro, Lucelia De Sousa Almeida, Vanda Maria Leite Pantoja Un, Jesus Marmanillo Pereira, Antonio De Assis Cruz Nunes, Jose Carlos De Melo.

Descrição: Este projeto trata do Plano de desenvolvimento dos Programas de Pós-Graduação (PPG) Emergentes e em consolidação nas Áreas Prioritárias para o Maranhão (MA) através do apoio à manutenção, fortalecimento, consolidação e ascensão dos PPG stricto sensu do MA referente ao Edital CAPES 182020, obtidos na Oficina de Prioridades com o governo estadual, universidades e empresas nas áreas de Saúde, Agrárias e Desenvolvimento Regional, Tecnologias para o desenvolvimento e Educação e Humanidades.

2021 – Atual
Diálogos contemporâneos e intertextuais
Coordenação: Kátia Carvalho da Silva Rocha
Membros: Gilberto Freire de Santana, Saulo Lopes de Sousa, Deivanira Vasconcelos Soares, Kézia da Silva Calixto, Brenda da Silva Dias, Eronildes dos Santos Cunha, Allan Kayan Dias Carneiro.

Descrição: Promover pesquisas de forma que graduandos de letras e de outras licenciaturas, professores do ensino médio e fundamental, e outros interessados – a perceberem a riqueza das descobertas e discussões provocadas pelos diálogos estabelecidos entre a literatura, cinema, outras artes e mídias.

2024 – Atual
SABERES E CULTURAS INDÍGENAS NO MESTRADO EM LETRAS DA UEMASUL: as práticas docentes e a aplicabilidade da lei 11.645/2008
Coordenação: Lilian Castelo Branco de Lima
Membro: Tatiana Santos Oliveira

Descrição: Este projeto de pesquisa será desenvolvido no Mestrado em Letras da UEMASUL, com abordagem metodológica da pesquisa de campo, qualitativa e participante. Com os seguintes objetivos: Geral: Analisar como as ações dos docentes do Mestrado em Letras da UEMASULatendem à Lei n 11.645/2008 em suas práticas pedagógicas. Específicos: Investigar quais atividades que envolvem as temáticas etnicorraciais são realizadas no Mestrado em Letras,principalmente voltadas aos povos indígenas; Conhecer a recepção dos discentes sobre ações,discussões teóricas, projetos e livros literários etnicorraciais voltados para atender a Lei n11.645/2008; Verificar quais ações de extensão são executadas por alunos e professores demodo a atender as questões etnicorraciais; Produzir um material didático-pedagógico comoproposta para se trabalhar saberes e culturas indígenas na Educação Básica.

2022 – Atual
ATLAS TOPONÍMICO DO ESTADO DO MARANHÃO ? ATEMA: Sistematização das mesorregiões Oeste Maranhense, Centro Maranhense e Leste Maranhense
Coordenação: Maria Célia Dias de Castro.
Membro:  Gisélia Brito dos Santos, Melquíades Pacelli, Vanessa Nunes da Silva, Ana Cristina Teixeira de Brito Carvalho, Marta Helena Facco Piovesan, Susan Cleide Martins Figueiredo, Laíra de Cássia Barros Ferreira Maldaner, Sérgio Noleto Turibus, Geane Martins Mendes. 

Descrição: O projeto ATLAS TOPONÍMICO DO ESTADO DO MARANHÃO ? ATEMA: Sistematização das mesorregiões Oeste Maranhense, Centro Maranhense e Leste Maranhense objetiva sistematizar os dados dos municípios já elencados na plataforma do ATEMA e pesquisar os municípios restantes destas mesorregiões.

2024 – Atual 
ATLAS TOPONÍMICO DO ESTADO DO MARANHÃO ATEMA: Mesorregião Norte Maranhense
Coordenação: Maria Célia Dias de Castro
Membro: Gisélia Brito dos Santos, Vanessa Nunes da Silva, Melquíades Pacelli Sandes Barros, Ana Cristina Teixeira de Brito Carvalho, Marta Helena Facco Piovesan, Laíra de Cássia Barros Ferreira Maldaner, Sérgio Noleto Turibus, Jakson Ferreira de Sousa, Alexandre Maia Lima.

Descrição: Este projeto visa realizar o cadastramento na plataforma do ATEMA e realizar a sistematização e interpretação dos dados das microrregiões da Mesorregião Norte, continuando com o levantamento dos dados dos municípios das microrregiões de Aglomeração Urbana de São Luís, Microrregião de Rosário e Microrregião dos Lençóis Maranhenses, Microrregião da Baixada Maranhense, Microrregião do Litoral Ocidental Maranhense, Microrregião de Itapecuru Mirim, de forma que esses resultados possam compor o Atlas Toponímico do Estado do Maranhão ATEMA, a partir dos dados oficiais das cartas geográficas constantes na base do IBGE, contribuindo no sentido de socializar os resultados da pesquisa e fortalecer os saberes locais.

 

2023 – Atual
Projeto IC/FAPEMA – Mediação da escrita em contexto escolar: diversidade linguística e uso de variantes não-padrão da língua portuguesa em turmas do primeiro ano do ensino médio da rede pública de ensino
Coordenação: Integrantes: Maria da Guia Taveiro Silva
Membros: Thadilley Da Silva Teixeira Cruz

Descrição: a pesquisa visa investigar como ocorre a mediação da escrita em contexto escolar diante da diversidade linguística e do uso de variantes não-padrão da língua portuguesa no primeiro ano do ensino médio da rede pública de ensino, a fim de promover a inclusão e o desenvolvimento da competência comunicativa dos alunos.

 

2023 – Atual
Universal CNPq – O ensino de língua portuguesa para alunos de escolas rurais que realizam regra linguística não-padrão

Coordenação: Maria da Guia Taveiro Silva.
Membro: Orleane Evangelista de Santana, Claudia Lúcia Alves, Cícero da Silva, Esmeralda Figueira Queiroz, Camila Perez da Silva, Camila Rodrigues Viana, Carla Bastiani, Girlene Ribeiro de Jesus, Ilma Maria de Oliveira Silva.

Descrição: O contexto é a educação básica na zona rural, atenção que merece atenção especial por suas peculiaride e importância. O foco é especialmente na linguagem em escolas do campo, é refletir sobre a realização de regras não padrão por alunos deste contexto. Na maioria das vezes, alunos desse tipo de escola enfrentam mais dificuldade para aprender e fazer uso da norma culta/padrão da língua. Ademais, nem todos os professores que trabalham nesse tipo de escola, conhecem ou fazem uso da teoria sociolinguística, que pode contribuir com as questões de uso da língua, bem como dar suporte ao processo de ensino de língua. Em escolas de classes desfavorecidas; de contextos sociocultural e economicamente menos favorecidas, as desigualdades educacionais são mais aparentes, cujas causas devem ser pesquisadas, e a diferença linguística podem ser uma delas. Nesse contexto, o projeto visa contribuir para a compreensão de como ocorre e como o professor pode melhor mediar o processo de ensino da língua materna, focalizando a questão do tratamento da variação linguística dos alunos de escolas rurais, especialmente os dos primeiros anos do Ensino Fundamental.

2023 – Atual
Projeto IC – Jr./UEMASUL – Construção do banco de produção textual de alunos do 2 ano do Ensino Médio, da rede pública de ensino

Coordenação: Maria da Guia Taveiro Silva
Membro: Yani Schilleng Duarte Melo – Maria Ramylle Silva Lima

Descrição: Esta pesquisa tem foco a construção do banco de dados com produção textual de alunos do 2 ano do Ensino Médio, da rede pública de ensino.

2023 – Atual
Projeto IC/FAPEMA – Reescrita na Educação Básica: metaplasmos na produção textual de alunos de anos finais do ensino fundamental, da rede pública de ensino

Coordenação: Maria da Guia Taveiro Silva
Membro: Alice de Sousa Rocha

Descrição: O foco desta pesquisa é o ensino da língua portuguesa na educação básica. A discussões, são no âmbito da sociolinguística e visa investigar a ocorrência de metaplasmos na produção textual de alunos de anos finais do ensino fundamental, da rede pública de ensino..

2023 – Atual
Projeto IC/FAPEMA – Mediação da escrita em contexto escolar: diversidade linguística e uso de variantes não padrão da língua portuguesa em turmas de anos iniciais do ensino fundamental da rede pública de ensino

Coordenação: Maria da Guia Taveiro Silva.
Membro: Francisco de Assis Moura Ferreira.

Descrição: O foco desta pesquisa é o ensino da língua portuguesa no contexto escolar. Assim, ele visa investigar como ocorre a mediação da escrita em contexto escolar diante da diversidade linguística e do uso de variantes não-padrão da língua portuguesa, em turmas de anos iniciais, 6 e 7 anos, do ensino fundamental da rede pública de ensino, a fim de promover a inclusão e o desenvolvimento da competência comunicativa dos alunos.

2023 – Atual
Projeto IC – Jr./CNPq – Construção do banco de produção textual de alunos do 1 ano do Ensino Médio, da rede pública de ensino
Coordenação: Maria da Guia Taveiro Silva.
Membro: Emanuelle Feitosa de Assis, Joyce Felícia Mendes de Sousa.

Descrição: Esta pesquisa tem foco a construção do banco de dados com produção textual de alunos do 1 ano do Ensino Médio, da rede pública de ensino.

2023 – Atual
Projeto IC/FAPEMA – Mediação da escrita em contexto escolar: diversidade linguística e uso de variantes não padrão da língua portuguesa em turmas do primeiro ano do ensino médio da rede pública de ensino
Coordenação: Maria da Guia Taveiro Silva.
Membro: Thadilley da Silva Teixeira.

Descrição: A pesquisa visa investigar como ocorre a mediação da escrita em contexto escolar diante da diversidade linguística e do uso de variantes não-padrão da língua portuguesa no primeiro ano do ensino médio da rede pública de ensino, a fim de promover a inclusão e o desenvolvimento da competência comunicativa dos alunos.

2022 – Atual
Projeto de Pesquisa: Reflexões sobre o ensino de língua portuguesa para alunos que realizam regra linguística não-padrão
Coordenação: Maria da Guia Taveiro Silva
Membros: Gilberto Freire de Santana, Francisco de Assis Carvalho de Almada, Beatriz Santana do Carmo, Ana Carolina Freitas de Farias, Dayane Pereira Barroso de Carvalho, Matheus Carvalho Lima, Julia Cristine de Aquino Souza, Denise Alves Cardoso, Gilcilene Alves Dantas, Andressa Caroline Ferreira Vieira, Camila Rodrigues Viana, Thadilley Da Silva Teixeira Cruz, Alice de Sousa Rocha.

Descrição: A pesquisa visa investigar como ocorre o ensino de língua portuguesa para alunos de anos iniciais da educação básica pública, que realizam regra linguística não-padrão. Assim, ela pode contribuir para a compreensão de como ocorre e como o processo de ensino da língua materna pode ser melhor mediado, focalizando a realização de regra linguística não-padrão pelos alunos de escolas públicas, especialmente os do Ensino Fundamental. Esta pesquisa pode contribuir para o fortalecimento do ensino no estado do Maranhão, de forma que os resultados educacionais sejam melhores, frente às avaliações oficiais, mas, principalmente, haja mais desenvolvimento dos alunos da etapa alvo deste estudo.

2023 – Atual

A RELEVÂNCIA DA PESQUISA, EXTENSÃO E ESTÁGIO PARA O DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL NO IFMA CAMPUS IMPERATRIZ
Coordenação: Neliane Raquel Macedo Aquino.
Membro: Sildevania Gomes de Sousa, Daniel dos Santos Carvalho.

Descrição: A análise de dados deste projeto foi iniciada em 2022, quando aprovada no edital BDI vigência 2022-2023. Todavia, ao longo da coleta e análise, observou-se a complexidade para entender algumas análises e a possibilidade de inserção de novas formas as quais não estavam previstas no plano inicial e também não foram possíveis de serem realizadas no tempo estipulado. Nesse sentido, a inclusão de métodos qualitativos, análise SWOT e avaliação de sustentabilidade no projeto contribuirá significativamente para a compreensão completa, aprofundada e estratégica das atividades de pesquisa, extensão e estágio no campus, permitindo a identificação de áreas de melhoria e a criação de estratégias eficazes e sustentáveis para o desenvolvimento institucional. Assim, é relevante a coleta de dados e análises que aqui se propõe com alargamento, posto que se integra à visão institucional, qual seja: Ser uma instituição de excelência em ensino, pesquisa e extensão, de referência nacional e internacional, indutora do desenvolvimento do Estado do Maranhão (PDI IFMA 2019-2023, p. 20). Esses dados, por conseguinte, auxiliarão na análise da relação entre instituição e comunidade externa, promovendo o pensar acerca do papel do campus para a sua cidade e região.

2023 – Atual
REDAÇÃO E IMPACTO SOCIAL: uma análise sobre os temas de redação ENEM 2018-2022
Coordenação: Neliane Raquel Macedo Aquino
Membro: André da Silva Santos, João Fernando Pereira Lima, Marcyellen Pereira de Souza.

Descrição: O presente trabalho visa analisar os temas da redação ENEM dos últimos 5 anos (2018-2022) e seus impactos para a discussão e movimentação da sociedade brasileira. Essa pesquisa se justifica pelo papel que o referido exame tem hoje dentro da sociedade brasileira e sua importância. A partir disso, surgem questões sobre como a prova, em seus diversos aspectos, vem moldando ações e pensamentos na sociedade. Em vista disso, faz-se necessário analisar o papel da prova e sua relação com a sociedade, observando a dialogicidade dessa interação. Nesse contexto, assume-se o recorte dos temas de redação dos últimos 5 anos e a discussão que se envolta sobre eles para análise qualitativa e exploratória. Para tanto, serão utilizados os pressupostos teóricos da análise do discurso bakhtiniana e da análise sociológica funcionalista, que auxiliarão na compreensão de como esses temas de redação se constituem discursivamente e dialogicamente, além de refletir sobre os impactos sociais na mídia digital dos últimos 5 anos (5 temas). Essa análise contribuirá para a reflexão do papel do ENEM na sociedade brasileira e suas influências, haja vista a importância que a prova ganhou para o país.

2023 – Atual
Paradidático e Documentário Põocatiiji
Coordenação: Neliane Raquel Macedo Aquino
Membro: Daniela de Sousa Cortez – João Fernando Pereira Lima – Stefania Cabral Pedra – Polliana Costa Chaves – Rone Guedes de Sousa – Luzia da Silva Limeira Medeiros – Lourenço Borges Milhomem Krikati – Pedro Ecroc Krikati – Decir Ehuc Krikati – Edivaldo Cohhi Krikati – Marineusa Pryj krikati – Natália Ropcwyj Krikati

Descrição: Este projeto objetiva produzir livro paradidático e um documentário para uso no sistema de ensino da comunidade Põocatiiji, povo indígena que faz moradia no Maranhão, a partir de sua própria cultura e necessidade.

2023 – Atual
Estudos de gênero e adolescência queer: análise bibliográfica de artigos da literatura e educação
Coordenação: João Fernando Pereira Lima
Membro: Neliane Raquel Macedo Aquino

Descrição: Este projeto de pesquisa básica visa analisar a utilização da “Teoria Queer” e Estudos de Gênero em pesquisas aplicadas nas áreas de ciências humanas, sociais e línguísticas. O objetivo é oferecer aos estudantes do ensino médio integrado do IFMA uma compreensão acadêmica e conceitual do conceito de gênero, além de trabalhar a visão sociológica e social dos alunos sobre a diversidade de gênero. O projeto será realizado em três etapas: o treinamento e desenvolvimento da busca de artigos entre os anos 2002 e 2022 na base SciELO a partir dos descritores queer, gênero, literatura e educação; a seleção coletiva dos artigos coletados ; e posterior redação de análises sobre o levantamento dos conceitos. A ideia é que a prática de discutir o assunto de gênero e diversidade do ponto de vista das ciências humanas, com referências de pesquisadores, possa difundir entre os alunos dos cursos do IFMA um ambiente salutar para novas ações institucionais. Espera-se contribuir para que os núcleos do IFMA, como o Núcleo de Assistência ao Educando (NAE) e o Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indígenas (NEABI), tenham um ambiente social saudável para desenvolver novas políticas de inclusão e práticas culturais pelos direitos civis de pessoas LGBTQIA+ da comunidade escolar e profissional do campus. O projeto de pesquisa contribuirá, no âmbito do IFMA, com metas de afirmação de direitos humanos, incluindo direitos econômicos, sociais, culturais e ambientais. A pesquisa propiciará aos alunos envolvides (bolsista PIBIC e voluntária) conhecerem as premissas teóricas sobre gênero e sexualidade e como compreender, do ponto de vista científico, como os papéis sociais de gênero podem ser estudados de forma multidisciplinar. Além disso, o projeto busca analisar a partir de definições sociológicas sobre socialização na adolescência se temas dos estudos de gênero e teoria queer são aplicados em artigos sobre literatura e educação. Apenas o acesso à abordagens científicas e filosóficas pode evitar que seja reproduzido e disseminado na educação básica as desinformações e preconceitos que impedem a compreensão sobre o que é gênero e sua diversidade na realidade social empírica. Portanto, este projeto de pesquisa é uma importante iniciativa para promover a educação e o respeito à diversidade de gênero na educação básica e para incentivar a inclusão e a promoção dos direitos civis de pessoas LGBTQIA+ no ambiente escolar e profissional do IFMA.

2022 – Atual

Projeto UNIVERSAL/FAPEMA – CIN(E)NSINO
Coordenação: Gilberto Freire de Santana. 
Membro: Sonia Maria Nogueira, Maria da Guia Taveiro Silva, Rute Maria Chaves Pires, Kátia Carvalho da Silva Rocha.

Descrição: Em sua trajetória, o ensino teve como sustentação a transmissão oral e escrita do conhecimento, de tal maneira que o mundo das imagens sempre foi negligenciado. A escrita consolidou-se, a partir das ideias positivistas cristalizadas no século XIX, como receptáculo legítimo e inquestionável do saber. Ao professor, coube o papel solitário e igualmente incontestável de propagador das informações, e do aluno, buscou-se o espectador passivo, sem reflexão, discussão e/ou participação na construção desse conhecimento. Contraditoriamente a isso, o último século firmou os novos meios de comunicação, em especial o cinema, que inseriu novas formas de leitura e representação do real no cotidiano da sociedade, implicando numa mudança não apenas comportamental, mas de ações como um todo. Uma dessas ações encontra-se no processo de inserção do cinema em sala de aula.

2022 – Atual
Projeto UNIVERSAL/FAPEMA – As redes sociais na sala de aula: o estudo da semântica da língua portuguesa
Coordenação: Sonia Maria Nogueira
Membro: Larissa de Farias Silveira, Gilberto Freire de Santana, Silvânia Aparecida Alvarenga Nascimento, Elany Mirian da Silva dos Santos Aragão, Ilenilde de Sousa Cruz Carvalho.

Descrição: O objetivo geral deste projeto consiste em refletir acerca da inserção de textos publicizados nas redes sociais no Ensino Fundamental nos finais, como recurso didático de estudo da Língua Portuguesa, em abordagem semântica.


Área de concentração e Linhas de pesquisa

O Programa de Pós-Graduação em Letras PPGLe – Mestrado em Letras, modalidade profissional, com área de concentração em Linguagem e Literatura, tem duas linhas de pesquisa: 1. Linguagem, Memória e Ensino, e 2. Literatura, Diálogos e Saberes.

Logo Mestrado

FALE CONOSCO

R. Godofredo Viana, 1300
Bloco 01 – Pavilhão 01
Bairro Centro
CEP: 65901- 480
Imperatriz-MA

mestradoletras@uemasul.edu.br
Tel.: (99) 98181 7866

Pular para o conteúdo